Índice de radiação em amostra colhida em Fukushima aumenta

A empresa responsável pela usina nuclear de Fukushima, Tokyo Electric Power (Tepco), detectou um aumento significativo nos índices de radiação em amostras de água do mar recolhidas em um dos poços de observação próximo dos reatores.

Um porta-voz da Tepco confirmou à Agência “EFE” nesta quinta-feira (10) que os dados mostram ‘alta densidade de trítio e estrôncio’ nesse ponto de observação, em que foram recolhidas amostras de água do mar da área do porto situado em frente à central nuclear.

Nas amostras recolhidas nesta quarta-feira na área do reator 2 foram detectados até 830 becquerels por litro de césio 137, o nível máximo em dois anos nesse ponto, e muito acima dos 64 becquerels por litro registrados no dia anterior.

A Tepco atribuiu esse aumento à possibilidade que os trabalhos para melhorar a pavimentação no lugar, onde aconteceu um vazamento com alta concentração radioativa há dois anos, tenham elevado as leituras.

Nos dois últimos anos, as amostras recolhidas neste ponto tinham caído consideravelmente, com a exceção de picos pontuais de alta radiação, detalhou o porta-voz.

Nos trabalhos mencionados pela Tepco, os técnicos de Fukushima injetaram produtos químicos no solo entre os reatores e o mar para solidificar o pavimento e evitar o vazamento de água subterrânea para o oceano, um trabalho que provavelmente movimentou a terra contaminada e elevou os índices radioativos da água.

No entanto, a empresa assegurou que ‘vai continuar observando a situação’, mesmo sem que ela tenha provocado ‘uma mudança significativa’ em outras áreas próximas dos reatores nucleares.

O porta-voz confirmou à “EFE” que, por enquanto, não ‘há nenhuma novidade’ em relação ao estado dos seis funcionários que ontem tiveram contato com a água contaminada proveniente de uma tubulação do sistema de filtragem da usina, por causa de um erro humano.

O incidente de ontem foi o quarto desse tipo na central em apenas uma semana, o que provocou fortes críticas da autoridade nuclear japonesa, exigindo um melhor controle e que a empresa resolva o grave problema dos vazamentos na usina. (Fonte: G1)

Sobre neveslaera

CURRICULUM VITAE 1. Titular – Neves Terriani Laera , Engenheiro Agrônomo – Fitotecnista, 7. Experiência Profissional – - De 1976 a 1979 – Pesquisa Científica em biologia dos solos – CNPq/EMBRAPA AGROBIOLOGIA - De 1979 a 1981 – Professor da UFRRJ-km 47 – Campo Experimental e de Produção - De 1981 a 1982 – Engenheiro Agrônomo da RURALTEC LTDA – Desenvolvimento de atividades relacionadas com a elaboração e implantação de projetos agropecuários de grande porte nos Estados do Rio de Janeiro e Minas Gerais - De 1982 a 1996 – Assessor Técnico do Banco do Brasil. Acompanhamento técnico direto de projetos conduzidos sob financiamentos de grande, médio e pequeno portes em atividades do setor agropecuário, tais como cafeicultura, pecuária de corte e leite, fruticultura, olericultura, caprinocultura, ovinocultura, carcinocultura, apicultura, culturas de cereais, produção de mudas ornamentais, avicultura, eqüinocultura, piscicultura. Atuação nos Estados do Rio Grande do Norte (1982 ), Minas Gerais ( 1983 a 1986 ), São Paulo ( 1986 a 1988 ) e Rio de Janeiro ( 1988 a 1996 ) - De 1996 até atualmente – Fundador e sócio-diretor da Terriani Laera Consultoria Empresarial SS Ltda ( www.agroterriani.cjb.net ), empresa voltada para serviços de consultoria plena em projetos agropecuários, de reflorestamento, paisagismo, arborização urbana, produção de plantas ornamentais, aqüicultura, licenciamento ambiental e estudos de viabilidade técnica e econômica em empreendimentos afins 6. Cursos de Pós-graduação no Brasil – - Apicultura Integrada – IASC-1983 – 600 horas - Armazenamento de Grãos – UFV-1984 – 500 horas - Tecnologias de Sementes – UFRRS-1985 – 500 horas - Agricultura Tropical – UFRPe – 1986 – 500 horas - Irrigação e Drenagem – USP-1987 – 400 horas 7. Cursos de Pós-graduação no Exterior – - Tecnologias de Pesca e Comercialização Internacional de Pescados-1988 – Itália – Sete meses de duração 8. Idiomas – Inglês – Fluente Espanhol – Fluente Italiano – Fluente 9. Principais Características Profissionais – Visão ampla dos aspectos éticos, técnicos, econômicos e sociais em assuntos inerentes à profissão, aguçada capacidade de análise técnica apurada durante trinta e dois anos de exercício profissional no segmento agronômico, elevada capacidade gerencial e de comando, integridade, ética e alta disposição para o trabalho. 10. Assessoria Imobiliária – A partir de 1999, atuo também no segmento imobiliário, com o uso de atribuições inerentes ao título de Corretor de Imóveis, sendo que sou inscrito no CRECI-RJ. Nesse segmento, minha forma de atuar leva em consideração sobretudo a busca de soluções éticas, ambientalmente corretas, criativas e pioneiras na busca de fomento a novos e grandes empreendimentos. Possuo capacidade de articulação junto a grandes empresas, além de extensa rede de contatos pessoais.
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>